[Proxy] Bastet | Mário Coelho

Sinopse

BASTET

por Mário Coelho

nIds. Estar “fora da rede” numa sociedade pós-escassez e híper-informatizada não é tarefa fácil, mas essa é uma habilidade que Beatrice, Lope, Klaas e Kyu usam — entre várias outras — para desempenhar tarefas que caem nos interstícios cinzentos da lei, ou nas zonas completamente negras; zonas como a inteligência artificial. Crua, directa, descomplexadamente realista — impiedosa, até. Estes são alguns dos adjectivos que costumam caracterizar a prosa de Mário Coelho. Neste conto, Mário Coelho extrapola sobre as possibilidades da tecnologia faça-você-mesmo, acessível a todos por igual, e as implicações que esse acesso constante poderá ter.

Antologia Proxy em Pré-venda até 23 de Setembro:

PRÉ-VENDA: Proxy

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *