Antologia: Por mundos divergentes

De forma a promover a ficção especulativa em Portugal na forma do conto em Língua Portuguesa, a Editorial Divergência dá início ao
concurso para a Antologia “Por mundos divergentes”.

1. Apenas podem concorrer textos inéditos, em língua portuguesa, sem  acordo ortográfico e submetidos pelos próprios autores.

2. Podem concorrer autores residentes em Portugal Continental e Ilhas.

3. O limite de palavras será entre as 5 000 a 15 000 palavras.

4. Todos os textos deverão estar inseridos no género de ficção especulativa: fantasia, terror ou ficção cientifica, sob a temática utopia/ distopia.

5. O prazo limite de entrega é 31 de Janeiro de 2014. Os textos enviados  após essa data não serão considerados para efeito do concurso.

6. Cada autor poderá enviar até dois textos com a mesma temática (distopia/utopia) ou diferente (um texto utópico e um distópico).

7. Os textos devem ser enviado para o e-mail: ed.divergencia@gmail.com  com o assunto Antologia. Serão aceites textos apenas em formato .doc ou .odt. Todos os trabalhos receberão um e-mail da recepção do envio.

8. Na primeira página de cada submissão deverá constar o título do texto, o nome do autor/ pseudónimo, o género, e-mail, contacto telefónico e morada.

9. O resultado será tornado público até 30 de Abril de 2014 através do blogue da editora. Os autores serão contactados previamente via e-mail.

10. O júri é constituído por dois elementos da Editorial Divergência e dois convidados.

11. O número de autores seleccionados será decidido pelo júri.

12. Os critérios de selecção serão parametrizados em termos da envolvência da trama, credibilidade e coerência das personagens e mundos criados, originalidade e fluidez narrativa. Valorizar-se-ão histórias passadas em território português.

13. Os textos vencedores serão publicados pela Editorial Divergência em formato papel e ebook.

14. A Editorial Divergência reserva-se ao direito da não publicação da antologia por falta de qualidade dos textos.

15. Os direitos de autor poderão ser pagos através da oferta de exemplares ou através dos 10% de direito que o autor detém. A editora retém o direito de publicação dos textos por um prazo de dois anos a contar da data de publicação.

16. Não haverá recurso à decisão do júri.

17. Qualquer situação omissa ou dúvida de interpretação neste regulamento será decidida pela administração da Editorial Divergência.

18. Ao submeter o texto, o autor está confirmar que tem conhecimento e que aceita as regras deste concurso.

A equipa da Editorial Divergência

Podem descarregar o regulamento em formato pdf aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *