Livros da Divergência na Livraria Leituria, Lisboa

11017064_897928873592836_2367757184602554181_n

A Editorial Divergência tem o prazer de anunciar que os nossos livros passaram a estar disponíveis na livraria Leituria, em Lisboa. A Leituria é uma Livraria e Espaço Cultural inovador onde as letras e as artes convivem em harmonia. Enquanto livraria a sua missão é, para além de disponibilizar as…

Continue a ler

[Proxy] Bastet | Mário Coelho

web_slide_proxy

Sinopse BASTET por Mário Coelho nIds. Estar “fora da rede” numa sociedade pós-escassez e híper-informatizada não é tarefa fácil, mas essa é uma habilidade que Beatrice, Lope, Klaas e Kyu usam — entre várias outras — para desempenhar tarefas que caem nos interstícios cinzentos da lei, ou nas zonas completamente…

Continue a ler

[Proxy] Alma Mater | José Castro

web_slide_proxy

Sinopse ALMA MATER por José Castro Não devia ser ela a procurar por Sanjay. Não ela, Maria, velha e alquebrantada, armada com pouco mais do que os seus implantes neuronais e um sentido de dever, quem deveria estar ali no centro nevrálgico dos gangues tecnologicamente aumentados. Não devia, mas era.…

Continue a ler

[Proxy] Y+T | Marta Silva

web_slide_proxy

Sinopse Y+T por Marta Silva A esfera é tudo. Para T, é o garante da vida tal como ela a conhece — com a luz, os medicamentos, a ordem e a segurança. Para Y, é uma barreira a derrubar, um obstáculo que impede o povo de ser verdadeiramente livre. Entre…

Continue a ler

[Proxy] Pecado da Carne | Carlos Silva

web_slide_proxy

Sinopse PECADO DA CARNE por Carlos Silva Prião doze. O nome cria calafrios nos sobreviventes do maior desastre biológico da História da Humanidade. Felizmente, graças à criação de urbes tecnológicas, estão a salvo… pelo menos enquanto pagarem as suas apólices de seguro. Afinal de contas, há apetites que nem a…

Continue a ler

[Proxy] Modulação Ascendente | Júlia Durand

web_slide_proxy

Sinopse MODULAÇÃO ASCENDENTE por Júlia Durand Ser promovido. Um facto da vida de trabalho para uns, uma necessidade incontornável e desesperada para outros — outros como Irissa. Numa sociedade em que o ser humano é usado como ficha de descarte, há apenas uma única hipótese de poder subir na empresa,…

Continue a ler